Website Oficial da Torcida Colorada - Internacional - Nação Colorada

Nação Colorada > Clube > Hino

Hino do Sport Club Internacional

No final dos anos 50 o Inter sentiu necessidade de ter um hino, uma canção formal de celebração dos sentimentos colorados. Fez-se um concurso, houve muitos candidatos mas nenhum dos hinos satisfez a alma colorada como aquele que fora feito numa tarde de sofrimento de torcedor. O torcedor era Nélson Silva (foto), carioca, compositor de morro, e que morava em Porto Alegre. O Inter desandava contra o Aymoré, o ano era 57. Ele escutava o jogo e esperava a namorada Ieda, mas esqueceu o compromisso daquela tarde. Sentou brabo na mesa de um bar em frente, e por razões de quem é artista, começou a escrever um hino de louvação ao Inter.

Quando concluiu a última estrofe com o Clube do povo do Rio Grande do Sul, teve a sensação de que era isto que seria cantado pelo torcedor. Foi o que aconteceu, Celeiro de Ases é hoje o hino oficial do Internacional e do torcedor colorado.

Até alguns anos atrás a torcida também costumava cantar uma antiga marchinha carnavalesca:
Papai é o maior/ Papai é que é o tal / Que coisa linda, que coisa rara / Papai não respeita a cara.


Celeiro de Ases (Nélson Silva, 1957)



Glória do desporto nacional
Oh, Internacional Que eu vivo a exaltar
Levas a plagas distantes
Feitos relevantes
Vives a brilhar
Correm os anos, surge o amanhã
Radioso de luz, varonil
Segue tua senda de vitórias
Colorado das glórias
Orgulho do Brasil


É teu passado alvirrubro
Motivo de festas
Em nossos corações
O teu presente diz tudo
Trazendo à torcida
Alegres emoções
Colorado de ases celeiro
Teus astros cintilam
Num céu sempre azul
Vibra o Brasil inteiro
Com o clube do povo
Do Rio Grande do Sul




Ouça o hino em diversas versões clicando nos links abaixo:


Hino Oficial
Papai é o maior
Hino com o arranjo original
Versão alternativa - Vanerão
Versão alternativa - Pagode
Versão alternativa - Reggae (Alexandre Guterres)
Versão alternativa - Heavy Metal (Silvio Lima)
Versão alternativa - Blue (Solon Fishbone)
Versão alternativa - Rap (MC Cau Gomes e Marcelo Truda)
Versão alternativa - Rock (Nelson SD)
Versão alternativa - Guitarra (Rafael Capaverde)
América Vermelha (Luciano Fortes)
Disparada Colorada (Neto Fagundes)
Guerreiros Colorados na Terra do Sol (Maria do Relento)
Guiñazu (Banda Ataque Colorado)
Só te peço este campeonato (Banda Ataque Colorado)
Imperadores do Samba - Carnaval 2009
Bambas da Alegria - Carnaval 2009
Jingle para a Libertadores 2010
Querência Colorada
Versão alternativa - Dance
Gigante Guerreiro (Clemer)
Jingle Campeão Libertadores 2010
Jingle Libertadores 2011 parte1
Jingle Libertadores 2011 parte2
Hava Colorada (Wagner Pfutze)



Política de Privacidade

Publicidade | Reporte um bug | Mapa do Site | Política de Privacidade | Contato

Copyright© 2003-2017 Nação Colorada. Powered by Nação Colorada. Designed by ACIMA Interactive. Todos os direitos reservados.


Associe-se ao Inter
Política de Privacidade